Agrofloresta - futuro do planeta

As agroflorestas, conceito iniciado em meados dos anos 80, estão cada vez mais disseminadas no Brasil, uma prática de sustentabilidade que inclui desde o retorno do homem ao campo até soluções globais de fome e saúde.

A Agrofloresta é capaz de regenerar todo o planeta trazendo abundância e qualidade de vida, fertilidade dos solos, equilíbrio climático, preservação da biodiversidade e produção de recursos naturais como água.

Agrofloresta ou Sistema Agroflorestal, é um sistema que reúne as culturas agrícolas com as culturas florestais, resultante da prática de estudo de agrossilvicultura. Plantações de florestas para suprir as necessidades do homem em harmonia com o seu meio.

É possível criar um sistema agroflorestal partindo de um solo pobre e sem recursos aparentes. A natureza transforma o ambiente, quando bem manejado, positivamente, propiciando o desenvolvimento de espécies da flora e fauna, além de enriquecer a paisagem.

O turismo pode estar presente nesta prática, uma vez que comunidades tradicionais e rurais têm se voltado a incluir vivências na mata, mostrando na prática como ocorre a transformação e desenvolvimento do sistema.
O turismo ambiental é um modelo recente ainda no Brasil e vem sendo desenvolvido por atores autônomos, mas pouco aproveitado e mal divulgado no Plano de Desenvolvimento do Turismo no país, porém, quem quiser vivenciar esta experiência incrível, basta procurar comunidades tradicionais como quilombos, comunidades rurais, aldeias que permitem acesso, ou grupos e instituições autônomas. Um exemplo em Ubatuba é a comunidade do Quilombo da Fazenda, que aos poucos está inserindo este tipo de turismo em suas práticas turísticas.